7 de setembro de 2011

Sopas.


Cá em casa as sopas fazem-se muito rápido e a receita é muito simples: basicamente, tudo o que está no frigorífico e na dispensa vai parar à panela! Desta vez, ficou recheada: batata, abóbora, cenoura, tomate, nabo, alho, bróculo, alho francês, couve coração, penca e ovo. Também costumo pôr cebola e às vezes feijão. Como disse, é o que estiver à mão! Já não faço sopa à parte para a Matilde e muitas vezes, para nós, serve de refeição completa, por isso não tenho os cuidados recomendados na confecção das sopas de quem quer emagrecer e não me poupo nos ingredientes. Como estou um bocado farta de triturar a sopa dela antes de cada refeição, desta vez triturei tudo ligeiramente: não fica papa para nós e ela vai-se habituando a comer bocados cada vez mais graúdos. Pode até nem parecer pelo aspecto, mas estava uma delícia ;)

5 feelings:

ombemua disse...

Bom dia!
Eu tambem uso tudo e mais alguma coisa.
E acabam por ficar deliciosas, costumo usar carne tambem para os mais novos.
Ah e peixe tambem :)


Baci*



Sarokas disse...

eu adoro sopa! ;)



Raquel Úria disse...

O que é "penca"?



Débora disse...

LOL :) Se fosses do Norte saberias!

"A couve-galega, couve portuguesa, penca, couve-ratinha, berça, verça ou couve-de-folhas é uma variedade de couve (Brassica oleracea, grupo Acephala), de caule razoavelmente alto e folhas largas, usada na confecção da sopa conhecida como caldo verde, típica de Portugal, bem como nos típicos "caldos de Berças"." in Wikipedia



Raquel Úria disse...

Tanto nome para designar uma mesma coisa, nós portugueses somos mesmo complicadinhos. Couve galega é que é! Este pessoal do norte anda sempre a inventar! ;)



Enviar um comentário