28 de julho de 2011

Ter um bebé...


...é ter a casa permanentemente desarrumada. Já desisti de andar atrás dela a arrumar o que ela tira do sítio, já que a velocidade a que eu arrumo é directamente proporcional à velocidade com que ela vai lá desarrumar outra vez. Assim, só depois de a deitar é que tudo volta a estar mais ou menos decente. Menos mal ainda é quando ela está aqui no "cantinho dos brinquedos" que temos na sala, mas geralmente ela anda sempre a mexer no que não é suposto. Porque é que eles gostam sempre mais do que não é brinquedo? Ainda se devia estudar este assunto mais a fundo :) E a seca que é limpar este tapete-puzzle quando é preciso? Céus, ter que desmontar pecinha a pecinha (com os números e letras todas a separarem-se) para poder aspirar por baixo é uma tortura! lol

Não temos (nem vamos ter, nos próximos anos) uma casa xpto, com tudo no sítio e artefactos giros nos móveis mais baixos (que estão todos quase sem nada). Mas temos uma filha encantadora que nos faz as delícias todos os dias e isso... é incomparavelmente melhor.

16 feelings:

*C*inderela disse...

eles são uns marotos mas é uma alegria ter um bebé em casa.



joana disse...

E ainda tens sorte. A minha irmã gostava de esconder as colecções de caixinhas de porcelana da minha mãe.



Ana (A mamã é só minha) disse...

Em resposta à tua pergunta, depois de explorados, os brinquedos perdem o interesse, então há que procurar novos desafios que porprocionam novas descobertas. Perfeitamente normal e saudável.
Beijnhos



Dina disse...

Nem mais! Posso pedir-te uma ajuda? Queria oferecer um presente/ brinquedo a um bebé de 6 meses, o que me aconselhas? Um tapete educativo ou aqueles cubos de actividades como tens na foto? Obrigada pela ajuda ;)



Débora disse...

Ana, eu estava a brincar, mas sim faz sentido :) a verdade é que ainda ontem lhe demos uma máquina fotográfica de brincar com um flash "faz de conta" e botões que dizem coisas e ela esteve horas entretida :)

Dina, os tapetes de que falas são aqueles em que o bebé está deitado com arcos com brinquedos? Pessoalmente, eu acho que começa a ser mais adequado algo do género do cubo. É que eles começam a sentar por volta dos 6m e depois a gatinhar (ou a rastejar! lol) e já não ficam parados no tapete como quando são pequeninos :)
Lembro-me que lhe comprámos aquele (http://www.chicco.pt/ProdutosChicco/SchedaProdotto/tabid/278/art/00068484200090/Default.aspx) por volta dos 7m, apesar de ser recomendado a partir dos 9m e ela gostou muito!
É só a minha opinião, espero ter ajudado!

Beijinhos*



Alminhas disse...

Olá! Eles são mesmo uns pestinhas:) Mas são lindos e nós damos em doidas quando eles ficam muito sossegadinhos!
Desculpa mas não pude deixar de reparar naquela ficha de electricidade que a bebé tem atrás das costas. Tem muito cuidado, porque o meu F. um dia conseguiu tirar a ficha do pc da parede e já ia com dedinho apontado.
Não quero de maneira nenhuma pôr em causa a questão da segurança, mas eles por vezes conseguem fazer coisas que nós nem sequer sonhamos. Beijocas



Débora disse...

Olá Alminhas, obrigada pela observação :) no entanto, estas tomadas são recentes e têm uma protecção no interior que só abre quando forças os dois orifícios ao mesmo tempo, ou seja, introduzes uma ficha. E mesmo que tentes com dois objectos aguçados nos dois ao mesmo tempo, não dá (nós já tentámos e não conseguimos). Ou seja, mesmo que ela lá vá com o dedinho ou com um objecto qualquer tentar introduzir no orifício, não acontece nada, porque o plástico não abre :)

Beijinhos*



Débora disse...

Mas tens toda a razão, eles conseguem fazer coisas que nem sonhamos... ainda um destes dias ela estava na cadeira da baba sem cinto e quando nos ausentámos por uns minutos da cozinha, conseguiu sair e empoleirou-se em cima da mesa da cozinha para chegar à fruteira. Quando vimos apanhámos um susto enorme, não sei como ela não caiu no espaço entre a cadeira e a mesa da cozinha :/ e nunca sequer ela tinha tentado sair da cadeira ou levantar-se. Temos que estar sempre de olho arregalado...



Grey´s disse...

Eu gosto de ouvir é aquela malta que diz que não tirou absolutamente nada de cima dos móveis e tudo está como antes, que eles tem de aprender a viver com as coisas .. eu até concordo que eles tem de se habituar às "coisas" mas sempre desconfiei se realmente não tiravam mm nada .. do tipo " mas os filhos dos outros são diferentes dos nossos ", pelo sim pelo não acho que as coisas mais frágeis ou perigosas iriam sair de cena!

beijocas



mãe pimpolha disse...

A minha casa tb está um pouco diferente do inicio, tive que tirar muitas coisas onde ele chegava.
E parece que passa por aqui um furacão todos os dias.
Beijocas



Flávia Leitão disse...

Eu sempre deixei o Gus mexer em tudo (que não seja perigoso, claro)!
Por exemplo na cozinha até há uns tempos, os armários de baixo não tinham quase nada, só peças de plástico que pode-se tirar e brincar em segurança!
Agora que já não liga nenhuma, já vou reconquistando o espaço!
Mas penso que o segredo é não arranjar conflitos, por isso, o que eles não podem mexer sai do campo visual! Paz no mundo!
Tudo depende de todos os envolvidos (casa+crianças+pais+animais de estimação)!
Eu tenho o atelier num canto da sala. As coisas perigosas passaram para as alturas! E como ele delira com os "pintas", eu deixo que ele mexa em tudo, mas faço questão de o ensinar a usar. NÃO à proibição, SIM à informação!
Resultado: o Gus usou um copo cheio de canetas de feltro e outras, todas diferentes! Quando o fui espreitar à sala era o caos, canetas por todo o lado e ele a pintar! Mas quando voltei à sala o copo estava no meu estirador, com as canetas todas, e para meu espanto com as tampas colocadas nas canetas certas! De tal maneira que pensei que tinha sido o pai dele!
Também cultivamos (seguindo o espírito do infantário), que quando mudamos de brincadeira arrumamos as coisas! Ele tem um canto de leitura, de pintura, etc, e de vez em quando ele pega e despeja as estantes todas, deixo o brincar mas depois arrumamos tudo em conjunto, como se fosse o seguimento da brincadeira dele!
A casa desde que eles nascem está sempre em mutação! E penso que é assim que deve ser!
Outra dica: esconder brinquedos por algum tempo! Numa situação de crise (birra ou assim) Tchanam! Olha aqui este brinquedo "novo"!!!



Débora disse...

Eu disse "cadeira da baba"? lol :) queria dizer cadeira da papa!

Flávia, concordo contigo! A matilde ainda é pequena para saber arrumar o que desarruma... mas volta e meia também vou com ela ajudá-la a pôr os legos todos no balde outra vez, por exemplo.
Aqui em casa ela também mexe em tudo o que não é perigoso ou que, à partida, não estraga. O resto mudou de sítio ou foi guardado. Podia ter a casa mais bonita? Podia, mas não era a mesma coisa :)

Uma altura em que a minha mãe cá esteva, decidiu voltar a pôr umas jarras num móvel baixinho que tenho à entrada e mais umas quantas coisas de partir. De cada vez que ela ia lá, ralhava-lhe na tentativa de a ensinar que não se mexe. Mas não adianta e eu não tenho paciência para andar sempre com o coração nas mãos. Arruma-se e pronto! :)

Grey, esses pais devem ter os filhos numa redoma ou no parque... ou então estão sempre nos avós e já vêm para casa jantados e prontos a ir para a cama :)



Dina disse...

Obrigada :) O tapete que tinha em vista era um sem arco mas que tem umas actividades (tb da Chicco). Mas também tinha essa dúvida. O miúdo começa a querer sentar-se e acho que daqui há algumas semanas já não liga ao tapete. Tenho que ver se encontro esse cubo musical, parece-me bastante interessante. Mil vezes obrigada, fostes uma grande ajuda!



Ana Rute Oliveira Cavaco disse...

e com uma não é nada... imagina 4!

a solução em vez do tapete é o vinil, que se vende a metro no aki e leroy, porque é higiénico e não fica frio,é esponjoso, limpa-se facilmente, não acumula pó e amortece as quedas. tenho na cozinha, por exemplo, e na escola é o que utilizam para eles se sentarem no chão para contar as histórias.



joana disse...

Olá, não sei se já te deste conta do meu último poste: http://fim-do-diaaa.blogspot.com/2011/07/importante-vou-fechar-o-meu-blogue.html
Pretendo fechar o meu blogue e gostaria muito que continuasses a ler o meu cantinho. Para tal basta enviares o mail que usas para aceder ao teu blogue para fim.do.dia@hotmail.com

Espero que cedas ao meu pedido para assim puder convidar-te a continuares a ler as minhas baboseiras!



Mami ( Sónia ) disse...

Eu já nem ligo ao facto de ter a casa sempre um caos lol e agora quando o Tito começar a gatinhar ainda vai ficar pior lol mas vale bem a pena :)



Enviar um comentário