19 de outubro de 2010

Bolsa para Disco Rígido




A pedido do Bruno, que é todo cuidadoso com as suas coisas e andava com um saquinho branco, super-ranhoso, a embrulhar o disco, lá me aventurei a fazer uma bolsa. Foi o primeiro (mini-)projecto que fiz do início ao fim. Digo isto, porque já comecei outras coisas mas ainda não as acabei, ora por falta de tempo, ora por falta de carcanhol :)
Peguei numas calças de ganga velhas e aproveitei um dos bolsos, que ainda estava em bom estado e pus-me a inventar. No final, quando a virei do direito a primeira vez percebi que tinha ficado melhor do que imaginei, o que nunca acontece comigo. Sou demasiado perfeccionista - imagino sempre uma coisa e depois fico desiludida com o resultado. É uma bolsa toda acolchoada (excepto esta parte de cima), tem uma divisória para colocar o cabo USB e tem uma entrada de lado, que permite colocar o cabo e ligar ao PC, sem tirar o disco da bolsa.
E pronto, já é demasiada conversa para uma coisa tão pequena! Estou contente porque estou a descobrir que gosto mesmo disto. É isso, estou contente. 

As fotografias são dele, claro.

4 feelings:

Fabi disse...

Tá gira! =)



stories behind objects disse...

e eu estou contente por estares contente :)
mas triste por não ter ido às aulas contigo. a minha máquina ali está, por estrear...
preciso que me ensines ;)



Rúben Baptista de Oliveira disse...

eu quero uma bolsa destas para o meu disco rigido!



Débora disse...

Aceitam-se encomendas, Rúben :)



Enviar um comentário