14 de junho de 2010

A minha avó...

...fez 70 (setenta!) anos. E estes 70 anos não foram fáceis, sobretudo nas últimas décadas. No entanto, ao longo dos anos, surpreendemo-nos sempre com a força que ela mostrou e com a sua capacidade de vencer todas as doenças e cirurgias que foram aparecendo, incluindo diabetes, um fibroma no útero, vários coágulos na cabeça, 3 cirurgias à tiróide, uma apendicite, um ligeiro enfarte... e outras que agora não me lembro. Na faculdade, a cada patologia de que falávamos, eu falava na minha avó. A minha avó tem isto, a minha avó tem aquilo. Quase não chegam as duas mãos para contar as cirurgias que fez. Como se não bastasse, fez diálise 12 anos. Doze. E ao fim destes doze anos foi transplantada. Hoje, os médicos brincam e dizem que o rim dela está tão bom que ainda há-de ir para outra pessoa. Vejo na minha avó (e na minha mãe) alguns dos problemas que eventualmente estão à minha espera e custa pensar nisso. E quando olho para ela (apesar de lhe ralhar muitas vezes, que não pode estar na cama tanto tempo e tem que se mexer muito, muito) admiro-lhe a força que também quero ter e gostava que a minha mãe lhe seguisse o exemplo. Que a força de viver parece que não veio com os genes.

Já disse que a minha avó fez 70 anos? :)

Eu, que estava à espera de uma ocasião especial para experimentar esta receita, achei que era uma excelente oportunidade! Quase consegui ouvir o suspiro de alívio da minha tia ao ler a mensagem que lhe mandei a dizer que deixasse o bolo por minha conta. É que no meio de tanto bolo e doce que havia para fazer, menos um foi uma grande ajuda.
Um bolo para repetir, sem dúvida, que o resultado foi espectacular! E o sabor... nham! Mas não tão cedo, é certo, que no fim de tudo a cozinha mais parecia que tinha caído lá uma bomba! Da próxima vez, no entanto, vou usar menos corante, de modo a que as cores fiquem suavezinhas. Quem sabe para o 1º aniversário da Matilde?

8 feelings:

Sofia disse...

A tua avó tem 70 anos? :O

O meu PAI tem 71 (completos há pouco mais de 1 mês). Aqui é que vejo como tenho sorte... graças a Deus tem sido bastante saudável e esperemos que continue assim durante muuuuuiiiiiiiitos anos. (ele sempre disse que quer viver até aos 100 anos)



Selma Tabita disse...

Ainda bem que está a resultar tão bem, com tanta gente! Ficou lindo! =)



Fabi disse...

Que lindo! Gostava de ter a receita mas não tenho acesso ao blogue...não podias mandar-ma?...Please?...



Débora disse...

Sofia, é natural, provavelmente és mais velha que eu ;) e tendo em conta todos os problemas de saúde da minha avó, 70 anos é uma conquista embora para alguns possa parecer pouco!

Selma, obrigada!

Fabi, claro que sim, acho que a Selma não se importa :) E no fundo é uma receita normalíssima, complica é na montagem do bolo!



InêsN disse...

podes deixar aqui a receita? o blogue está privado..



Lacorrilha disse...

O meu também ficou assim tão sublime (not). Vou só ali dar umas cabeçadas na parede e já volto.



Maria Carloto disse...

Olá!! =)
Será que podias enviar a receita do bolinho?
Obrigado



Débora disse...

Olá Maria. Manda-me um e-mail e eu respondo-te com a receita, ok?



Enviar um comentário